sexta-feira, 30 de abril de 2010

Janelle Monae - Tightrope


Legal! roupas, sapatos, cabelo, dancinha, vídeo, som. Tudo bem bacana.


Festival Hyères 2010

Via: ASVOF


Uaaauu parece uma banca de tcc, só que com tudo mais bonito e organizado e parece que feito com bem mais tempo.

Vixi quero só ver meu tcc. :)


Theo Jansen


Uaaaaaauuuuuuuuu

segunda-feira, 26 de abril de 2010

HYERES!


Acompanhe o Festival Hyeres pelo ASVOF.



Desenho do dia


Esta foi a ilustração que eu entreguei na correria pra matéria de Desenho de Moda.
Tá mais pra uma colagem né. Não sei o que a professora vai falar.
Foi feita em camadas que podem ser levantadas. Primeiro a base branca, em seguida a folha preta com estes recortes quadrados e essa foto colada do Hedi Slimane de um dos meus editoriais preferidos no mundo (Vogue Hommes Japan #1) e mais 3 camadas em transparência com os cubos desenhados no CorelDraw colados numa ordem certa pra criar este efeito.


sábado, 24 de abril de 2010

Consumismo



Fui na Adidas hoje e seilá..comprei uns tênis. Meio que por impulso até. Estou com vontade de ter mais sneakers e tava com um dinheiro guardado.

Lá não tinha nenhum dos que eu mencionei num post abaixo, mas acho que vou curtir e usar bastante esses.

O primeiro é o Honey Low. Estava precisando de um tênis mais magrinho assim, slim, que apareça o tornozelo - meus tênis são em geral hi top, e que dê pra usar sem meia que fica legal.

O outro é o Missy E: Fly Hoops. Não achei o tom do dourado dele tão bonito, mas em geral é legal. Vi ele como uma mistura de alguns que eu gosto: Wings (Adidas - Jeremy Scott), Air Yeezy (Nike) e Supra principalmente.

E o preço deles compensou. Adidas Outlet.
Na etiqueta aparece que o preço normal do Honey é 179,90 e paguei 129,90 e o Missy E. 349,90 e paguei 249,90. Fora o desconto de 20% por levar 4 ou 5 peças (fui com mais gente e pagamos juntos).


Se você está lendo isso agora, gosta dos tão desejados modelos do Jeremy Scott pra Adidas e é menino. Achei um site que vende no seu tamanho. Bom proveito......


Stymest




Editorial marcado com estrelinha porque o Ash é simplesmente lindo e ótimo modelo.
Vide na photoshoot a seguir.


Como é bom trabalhar com um bom modelo, é absurda a satisfação que isso dá.

Estou aqui pensando o que compõe uma boa foto e posso comparar com o mesmo esquema do que compõe um bom look.
Pra ser bom, e simplesmente bom, você precisa ter algum dos items da lista.
Para o look eu separo em: a roupa, o calçado e a maquiagem, podendo o cabelo ser um item separado ou não, depende do corte.
Tendo cada um desses você está se produzindo de alguma forma, e quanto mais itens você obedecer, mais vai arrasar e estar montado.
Como não gosto de exageros, e curto uma aparência simples, costumo me preocupar só com um desses. Mas os outros não ficam esquecidos, só não tem destaque ou preocupação maior, ou até são deixados de lado propositalmente.

Agora falando de fotografia... vejamos o que monta uma boa foto:
Eu acho que o modelo conta muito. Ele tem que ou ser (bem) bonito ou saber trabalhar bem, e se for os dois você está 50% feito na vida (essa % é relativa, depende do que vai compor a fotografia).
As roupas. Como o styling faz uma fotografia! É demais. Eu adoro fotografar pessoas e ver pessoas bonitas e tudo mais, mas pra uma fotografia de moda você nem precisa disso, alias, não precisa de nada, não existem regras, é o olhar que vai te dizer o que você precisa. Tendo um bom styling você pode ter praticamente tudo.
Agora a parte que acho que cabe ao fotógrafo prestar atenção: luz e locação(não necessariamente ele que decide, mas precisa ser bem observador). Isso deve complementar bem, mas ainda devem existir muitos outros itens, mas deixa pra lá, eles podem ser incluídos no resto como o cabelo.


Ah..e falando de outro assunto. Fikdik de cupcakes. Preciso ir experimentar.
La Vie en Douce - Rua Da Consolação 3161
Wondercakes - Rua Augusta 2542

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Styling


Olha só...



Sneakers Adidas ♥


Dando uma olhadinha no site da Adidas, selecionei os modelos que gosto, todos femininos porque não adianta nada eu ficar babando nos tênis masculinos.
Se pudesse (e não tivesse mais o que fazer) com certeza seria uma sneakerhead viciadíssima em tênis, com um par novo cada mês.
Como esses modelos aparecem no site do Brasil é de se esperar que dê pra encontrá-los, mas juro que procurei muito o Wings do Jeremy Scott e não achei aqui, no máximo achei 1 em tamanho masculino.

Boxing
Acho demais tênis estampado. Este, florido, tem umas cores lindas.


Honja Low
Este eu gostaria de ter em preto, pra não ficar com dois modelos da mesma cor.
E acho legal um modelo mais básico e preto também que desacostumei.
O preto dele é com este recorte frontal e traseiro em branco como o solado, e não inteiro preto.


Hayworth II Mid
O que posso dizer sobre esse Y3?? Meu..muita vontade de ter ele. Demais. Nessa cor então!..


Excstasy Hi W Leather
Muito bom esse "adidas" escrito.



Jeremy Scott Wings (Patent)
Sem comentários do quanto desejo este modelo na minha vida. De preferência na cor dourado.
Só é impossível de achar e ainda mais no meu tamanho. Nem E-bay nem nada ajuda.
Jeremy Scott arrasou completamente na Adidas, quero muita coisa dele.


S.W. Luke Skywalker
Este eu gosto pela cor mesmo, não sou fã de StarWars nem nada. Legal também que ele parece ser de tecido. E Essas listras vermelhas são um detalhe ótimo.


Torsion Sleek W Leather
Uau. Achei demais este modelo, as cores foram perfeitas.
Este bico mais afinado dele me lembra o Adidas Top Ten Hi, que deixa um pouco dolorido meu dedo mínimo, mas se o modelo(da roupa) pede, não deixo de usar.


Metro Atitude
Não está no começo da minha lista, mas eu adoro muito essa silhueta meio grandinha dele.



Missy E: Low Post
Top. adorei cada detalhe.



Ah.. e com essa paixão toda por sneaker, gostaria muito de atuar como designer de calçados e desenhar uns modelos de tênis. Já pensou só trabalhar na Adidas que máximo??

E quando conseguir uma foto do mockup que fiz pra faculdade posto aqui. Ficou meio tosco e enorme, feito numa noite, acabamento de cola quente hahaha..enfim, mas tá valendo.


quinta-feira, 15 de abril de 2010

Faculdade e coisas

Os temas clássicos fasminianos: sonho, a mulher inocente(alice), a mulher resolvida e forte ou luxuosa e geometrismo.
A grande maioria dos temas do pessoal da faculdade acaba entrando em alguma dessas categorias, e infelizmente o meu não foi diferente. ¬¬
Mas se é tão presente e real pra mim, acho que devo seguir em frente.

Caí no geometrismo, mas isso não é um simples "tema" para mim, não foi algo do tipo: "ai..tenho que escolher um tema para coleção, e agora?". É algo que faz parte de mim, do meu ser, e principalmente, quando eu decidi ir por esse caminho, eram formas que expressavam meus sentimentos no momento. (não quero ser cafona, mas pode acontecer)

Então me dei conta que o motivo desse recorrente tema geométrico deve ser um consciente coletivo, e que as outras pessoas se sentem do mesmo jeito e essa é a primeira forma que devem pensar como expressar. Elas vêem(ainda se escreve assim?) as mesmas coisas que eu acontecendo no mundo, então tudo faz sentido. Podem não passar pelas mesmas situações, por exemplo a que desencadeou tudo isso pra mim, mas enfim..

Uma coisa que eu tive certeza hoje é que eu gosto de fazer roupas usáveis. Usáveis para mim ou para um amigo. Não peças estrambólicas que ninguém nunca vai usar, nem a lady gaga porque, seilá, não fica legal nela. Se for fazer algo estrambólico ainda será algo sobre mim, algo que eu usaria num momento de montação, a lá club kid talvez. Essas situações que nós paramos pra pensar o que vestir e nos preocupamos em ficar bonito e com uma aparência legal me animam.

Esta noite do dia 15 de abril apresentei meu trabalho de bimestre. Ufa, finalmente acabou esta fase - (med0 em pensar como será tenso o tcc). Uma coleção supostamente de jeans e camiseta. O "supostamente" é porque eu não desenhei nenhum jeans, não parei pra pensar nisso, não me preocupei, só usei como styling para a apresentação porque fazia parte da proposta dada pelos professores.

Depois de uma imensidão de referências vistas des do ano passado sobre geometrismo, entre elas um vídeo incrível que me levou a outro universo e fractais e origamis e pricipalmente hyperdimensão, cheguei a uma conclusão:

O cubo.

Que coisa mais linda, me faz viajar na sua beleza em simplicidade encantadoras.

Como costumo fazer moda masculina (minha paixão - fico hipnotizada quando vejo um homem bem vestido ou com alguma peça interessante, o styling, enfim), a coleção a princípio seria masculina. Mas pera aí.. pra que isso? Acontece que minha coleção não foi desenhada pensando no gênero da pessoa que vai vestir. Fica a critério dela ver se isso é bom ou não pra ela.
Minha coleção foi desenhada pensando no cubo e na peça, criada a partir da modelagem extraída do cubo.

Tendo desenhado cada forma, ainda há mais um ponto a ser observado... onde vão passar meus braços e cabeça?

Minha vontade, caso as peças fossem comercializadas, é deixar a peça fechada, e que quando a pessoa compre, ela possa decidir onde vai querer os buracos, que dependendo da posição mudam completamente a forma e caimento no corpo. Caso o cliente desejasse, ofereceríamos o serviço de fazer o acabamento de graça (rs, mas todo mundo sabe que nada é de graça, o serviço já estaria incluso no preço da roupa, querendo ele ou não, mas caso não quisesse quem sabe teria um desconto maior).
Me agrada muito essa idéia de liberdade, de você poder escolher como vai usar a sua peça, mas também paro pra pensar se as pessoas querer isso também, se não pensam algo do tipo: "ai que preguiça, não sou eu que tenho que pensar nisso, é o estilista, eu quero a roupa pronta". E pensando nestes casos, também ofereceríamos algumas peças já definidas.

Bem.. acho que chega de escrever por hoje. Afinal, se você opta estudar moda na Santa Marcelina, tenha certeza que você vai passar muitas noites em claro fazendo trabalhos. Mal sabem as pessoas, e é muito triste o jeito que elas não dão valor a tudo que fazemos e que somos capazes de fazer, mas só vivendo isso pra entender como é.
O pior de tudo é ver como o mercado te valoriza, você pagou 90mil de mensalidade para estudar na melhor instituição do país, pra chegar num estágio e o cara te oferecer 350reais.

Como ia dizendo.. - sempre me disperso dos assuntos rapidamente - ..dormi tipo 10horas nos últimos 3 dias por causa da entrega desse trabalho. Ainda assim não consegui concluir como gostaria. "Terminei"(porque não terminei de fato) de fazer correndo pra entregar ainda com 30minutos de atraso. Agora que tudo passou estou mil kg mais leve e vou ter uma ótima e longa noite de sono, assim que arrumar meu quarto(super zona).



Aqui é um antigo desenho comprovando meu amor por linhas e estruturas retas. Vejo moda nele, como nosso olhar fica sensível, né? Nem passa pela cabeça da maioria.



terça-feira, 13 de abril de 2010

Cole Mohr


Meuu esse vídeo é muito bom!
Cole Mohr é muito bom!
Não acredito que alguém assistindo isso não queira sorrir também.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Pra quarta feira + desenho do dia



OK..Vejamos o que falta:

-croqui da roupa
-fotos do acessório
-fotos da tag
-parte gráfica (tag)
-mockup do calçado
-ilustração do calçado
-ilustração de moda
-harmonia de cores
-matérias
-bordado
-maquetes têxteis
-ficha técnica
-registro fotográfico F-C-L
-estrutura do bidimensional
-diagramação do que falta


domingo, 11 de abril de 2010

Sol Le Witt


babando.
lindo.

Break de 10 segundos

Margaret Bourke-White, Machine Dance, Moscow Ballet School, 1931, at Corkin Gallery

Aaaah to fazendo tanto trabalho da faculdade que nem estou com tempo de parar e postar nada.
Essa foto apareceu agora em quanto fazia umas pesquisas. Achei muito boa.

Quanto aos trabalhos.. depois de quarta feira no mínimo, eu venho aqui e conto.



sexta-feira, 2 de abril de 2010

Desenvolvendo calçado



Fazendo o mock-up do calçado pra coleção.
Fita crepe, passar a modelagem pro papel, escolher os materiais e mão na massa.

Desenho do dia


Caneta e Photoshop.

quinta-feira, 1 de abril de 2010